Escolha uma Página

Muito além da estética, uns quilinhos a mais já podem gerar uma sobrecarga para o corpo, em pontos de sustentação como os joelhos e as costas.

À medida que esse peso aumenta significativamente pode causar um estresse mecânico nesse alicerce de sustentação.E se os quilos vão se acumulando há uma mudança de eixo para gerar o equilíbrio…

Muita gente não relaciona a alimentação exagerada, na maioria das vezes, com excesso de frituras, farinhas, açúcares e sal, com ossos mais fracos, que sentem a falta do cálcio e da vitamina D, ausentes nesse cardápio.

E as consequências pode ir além. O aparecimento da  osteoporose, que tem tendências genéticas, mas é agravada pela alimentação em mulheres e também em homens, pode ter reflexos intensos nessa equação: peso demais para carregar e ossos fracos. O resultado pode levar à fratura.

O alerta aqui é pra maneirar mesmo. Para quem já possui desconforto, não deixe que se torne crônico. A consulta a um médico e uma fisioterapia adequada podem fortalecer os músculos que estão sendo mais requisitados. Para quem se acomodou na cadeira, por conta da dor desistiu da caminhada, os exercícios dentro da água são, em geral, mais recomendados. Uma avaliação cuidadosa indica o tratamento mais adequado.

A atividade física é importante para o emagrecimento e fundamental para os sistemas  respiratório e circulatório. Aproveite as festas, mas guarde disposição para cuidar da saúde!

Artigo publicado na Folha de Alphaville